Grávida é presa sob acusação de seqüestro

Uma mulher, acusada de ter participado vários seqüestros, foi detida por policiais militares, na zona Leste, no iníico da noite de ontem, e encaminhada à Divisão Anti-Seqüestro do Deic (DAS). Está grávida de nove meses e, segundo a polícia, é amante de um integrante do PCC. Paula Natália dos Santos, de 19 anos, foi presa na própria residência, à Rua da Piedade, na Ponte Nova, um distrito da Vila Jacuí, na zona Leste. Companheira de um presidiário de prenome Fernando, ela teria participado, entre outros, de um seqüestro ocorrido em 23 de abril último. A vítima, o empresário Armando Hédio, teria ficado em cativeiro na casa da avó de Paula, na mesma região. Os policiais do DAS não fornecem informações, mas poderão apresentá-la à imprensa amanhã, caso seja decretada sua prisão temporária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.