Greve de ônibus prejudica moradores da zona leste

Os cerca de 1.800 funcionários da Viação SPBus prometem ficar de braços cruzados durante toda esta segunda-feira, prejudicando principalmente moradores de Cidade Tiradentes, Itaquera, Parque do Carmo e São Mateus, na zona Leste da capital paulista. Segundo a SPTrans (São Paulo Transportes), até às 5h15 da manhã de hoje, nenhum dos 212 ônibus da empresa havia saído da garagem, na Avenida Iososuke Okaue, em Cidade Tiradentes.Os funcionários da empresa reclamam que o adiantamento salarial deste mês ainda não foi depositado na conta deles, e que vários trabalham sem registro. Não há previsão de reunião entre uma comissão de funcionários e a diretoria da viação. O sistema Paese (Plano de Auxílio à Empresa em Situação de Emergência), da SPTans, será colocado em operação numa tentativa de diminuir transtornos aos moradores da região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.