Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Greve de servidores entra no segundo dia em SP

Entrou hoje no segundo dia a greve deflagrada pelos servidores públicos federais da saúde e da previdência por melhores salários. Em São Paulo, a paralisação, embora parcial, prejudica as pessoas que precisam dos serviços de atendimento médico, como pedidos de aposentadoria e auxílio-doença, além da realização de perícia médica.Os principais postos do INSS amanheceram fechados nesta quinta-feira, como, por exemplo, os da Rua Butantã, em Pinheiros, da Avenida Francisco Matarazzo, na Água Branca, dos bairros da zona oeste da capital paulista, da Rua Comendador Elias Zarzur, em Santo Amaro, e da Rua Santa Cruz, na Vila Mariana, ambos na zona sul da cidade.A opção para quem precisa de atendimento imediato são os postos localizados no Metrô de São Paulo, nas estações República e Tatuapé, além do Shopping Eldorado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.