Grevistas destruíram 182 ônibus em São Paulo

Desde a manhã desta segunda-feira até as 18h30 desta terça foram danificados 182 ônibus, segundo informações da SPTrans e da Empresa Metropolitana de Transporte Urbano (EMTU). Só nesta terça foram depredados 24 veículos do sistema gerenciado pela SPTrans e 34 de empresas intermunicipais que prestam serviço para a EMTU.O presidente do Transurb, sindicato patronal, Sérgio Pavani, disse que os dois dias de greve de motoristas e cobradores causaram um prejuízo de cerca de R$ 10 milhões aos empresários do setor de transportes."Se o ônibus não roda, não tem passageiros nem dinheiro", disse, após audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT).Alguns empresários temem que o secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, descredencie mais empresas, além das nove que já foram retiradas do sistema pela Prefeitura. Tatto, porém, nega que isso esteja sendo planejado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.