Grupo Arco-Íris faz ato contra homofobia em Ipanema

Com uma enorme bandeira colorida, o Grupo Arco-Íris promoveu na tarde deste sábado em Ipanema um ato contra a homofobia. "Houve uma intensificação das ameaças contra gays com a proximidade do carnaval e estamos denunciando isso", afirmou o coordenador político do grupo, Cláudio Nascimento. De acordo com ele, gangues agrediram homossexuais não só verbalmente mas também fisicamente no bairro da zona sul carioca. O governo do Estado foi alertado para o problema. Segundo Nascimento, foi acertado que neste carnaval haverá um plano especial de policiamento em locais de freqüência gay como a praia, bailes e a rua Farme de Amoedo, em frente à qual foi realizado o ato, em Ipanema. Após o carnaval, informou o coordenador do grupo, o governo deverá elaborar um plano de segurança contra a homofobia.

Agencia Estado,

17 Fevereiro 2007 | 17h51

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.