Álvaro Grohmann/C.Povo
Álvaro Grohmann/C.Povo

Taxistas são suspeitos de matar motorista em Porto Alegre

Rapaz teria discutido e sido seguido por suspeitos na madrugada

Luciano Nagel - Especial para O Estado, O Estado de S. Paulo

16 Janeiro 2016 | 12h10

PORTO ALEGRE - Um homem de 35 anos, condutor de um Mitsubishi Pajero, foi morto a tiros por um grupo de taxistas na madrugada deste sábado, 16, em Porto Alegre. O crime ocorreu por volta das 5h no Morro Santa Tereza, zona sul da capital gaúcha. A vítima foi identificada como Geovane Pereira Melo. 

De acordo com a Polícia Civil, Geovane havia saído de uma casa noturna com uma adolescente de 14 anos. No trânsito, houve uma discussão com um taxista. Na briga, pelo menos outros dois taxistas agrediram o motorista após uma perseguição pelas avenidas de Porto Alegre. Geovane foi atingido com tiros na cabeça. A polícia já ouviu a versão da adolescente, mais ainda apura se realmente o crime foi cometido por taxistas. 

A Empresa Pública de Transportes e Circulação (EPTC), responsável por regular e fiscalizar as atividades relacionadas ao trânsito e transportes de Porto Alegre, afirmou em sua conta no Twitter que busca informações com a polícia sobre os taxistas envolvidos e garante que, se confirmado o envolvimento, todos serão afastados. 

Mais conteúdo sobre:
ViolênciaPorto Alegre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.