Grupo mata seis e fere dois em festa em Porto Seguro, na Bahia

Homens invadiram bar onde acontecia uma comemoração e realizaram as execuções; motivo dos crimes é desconhecido

Heliana Frazão, O Estado de S. Paulo

07 de setembro de 2014 | 18h03

PORTO SEGURO - Cinco homens vestidos com roupas camufladas, utilizando máscaras e fortemente armados provocaram terror na madrugada deste domingo, 7, na cidade de Porto Seguro, no sul da Bahia. Eles mataram seis pessoas e deixaram outras duas feridas em uma festa.

Segundo a Central de Polícia, os criminosos chegaram em um bar, identificado como "Bar da Shirley", na localidade de Vera Cruz , utilizando uma caminhonete modelo Chevrolet S10. No local acontecia uma comemoração. O grupo determinou que todos deitassem no chão e matou quatro dos presentes, à queima-roupa.

As vítimas foram identificadas como sendo: Adenilton dos Anjos Carlos, Alex Sandro Cerqueira da Silva, Josimar Santos da Silva e um quarto homem, cujos documentos não foram encontrados. Outras duas mulheres foram atingidas pelos disparos, mas sobreviveram; elas estão hospitalizadas.

Após cometer os crimes, os homens saíram à caça de outra vítima, Dionei Serafim dos Santos, que havia conseguido fugir do local. Dionei foi encontrado na casa de Cleubes da Silva Pereira, 25, numa localidade conhecida como Estrada Vermelha. Os dois também foram mortos. A polícia ainda não conhece a identidade dos assassinos nem o motivo dos crimes.

Tudo o que sabemos sobre:
homicídioscrimebahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.