Grupo perdido na serra ainda não foi localizado

Perdidos há mais de 40 horas, na reserva ecológica da Juréia, os quatro integrantes de um grupo - dois adultos de 32 e 26 anos e dois adolescentes de 17 anos - são procurados por soldados do COE (Comando de Operações Especiais), da Polícia Militar, desde a madrugada de quinta-feira, na serra de Juquitiba, em Peruíbe, no litoral sul paulista. As buscas não foram interrompidas nesta madrugada de sexta-feira.O grupo veio de Campinas, no interior paulista, e ia à casa da mãe de um deles, em Peruíbe. A idéia, porém, era de chegar àquela cidade através de uma trilha a partir da Rodovia Regis Bittencourt, a BR-116. Na semana passada já havia tentado percorrer a mesma trilha, entrando na mata da Serra da Pedra Lisa, mas não deu certo e resolveram adiar a aventura. Na manhã de quarta-feira, porém, decidiram tentar novamente realizar esse percurso com previsão de duração de seis a sete horas. Como no início da noite não haviam chegado, o pai de um deles avisou a Polícia Militar. Depois de soldados do Corpo de Bombeiros iniciarem as buscas foi também acionado o COE com profissionais mais treinados para esse tipo de atividade.Os familiares dos quatro aventureiros não receberam nenhum telefonema, desde as 10 horas de quarta-feira, quando os quatro aventureiros entraram na mata, uma vez que o aparelho celular que eles portam não recebe sinal naquela região. Eles afirmam, porém, que conseguem manter a calma, pois o grupo está bem agasalhado e leva suprimentos para dois dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.