Guarda civil de SP terá aula de direitos humanos

Os integrantes da Guarda Civil Metropolitana (GCM) que forem admitidos a partir de agora pela Prefeitura de São Paulo receberão aulas de psicologia, direitos humanos e relações humanas, no curso preparatório de formação de soldados para a tropa.As novas aulas atendem a um pedido feito da prefeita Marta Suplicy (PT), que participou nesta segunda-feira da aula inaugural de um grupo de 567 novos integrantes da GCM, no Centro Cultural São Paulo. "A Guarda também é um cartão-postal da cidade e quando a pessoa se depara com um guarda mal-educado e que não trata bem o cidadão dá-se um exemplo muito ruim do que é o Município", justificou a prefeita.No discurso, Marta salientou a importância das novas disciplinas que serão oferecidas aos alunos. "Será muito importante para uma postura diferenciada da Guarda, pois levarão a uma reflexão maior."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.