Guarujá leiloa 30 imóveis de devedores

A prefeitura de Guarujá começou a leilor imóveis de contribuintes que não pagaram impostos municipais. Ao todo, serão 30 propriedades, avaliadas em R$ 1,2 milhão, e estão situadas na área nobre, como Pitangueiras, Enseada e outros. Os leilões estão sendo realizados em duas etapas: a iniciada hoje, que vai até sexta-feira, e outra prevista para o período entre os dias 21 e 24 deste mês. Ao mesmo tempo, os contribuintes em débito estão sendo chamados para acertar as contas até dois dias antes do imóver ser leiloado.Para o prefeito Maurici Mariano (PTB), "a prefeitura precisa desses recursos para desenvolver políticas públicas e dar continuidade aos serviços essenciais da administração municipal". Quando assumiu a prefeitura, em 96, 40% dos contribuintes estavam em situação de inadimplência. "Foram encontradas distorções na Planta Genérica e, a partir daí, houve uma adequação do valor venal dos imóveis, além de uma anistia de juros em 97", esclareceu o prefeito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.