Guedes defende prioridade à família carente na segurança alimentar

Luís Carlos Guedes Pinto, ministro da Agricultura, reafirmou a prioridade do governo federal em relação ao tema da segurança alimentar. Em palestra no seminário "Política Nacional de Abastecimento na Ótica da Segurança Alimentar e Nutricional" realizado na sede da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o ministro disse que é "inquestionável" o avanço do governo nesta área.Para o ministro, "não se pode tratar os desiguais de maneira igual". Ele defendeu as políticas adotadas pelo governo federal para garantir a segurança alimentar de famílias carentes. "É ilusão imaginar que podemos viver sem a presença do Estado nesta área", completou.Guedes Pinto acrescentou também que o apoio dado pelo governo à comercialização de grãos em 2006 é o maior dos últimos anos. Ele citou que em 2003 os estoques públicos de grãos somavam 250 mil toneladas. Esse volume soma 4,5 milhões de toneladas agora.Neste ano, lembrou o ministro, o governo já apoiou a comercialização de 13,5 milhões de toneladas de grãos, volume que deve chegar a 20 milhões de toneladas até o final do ano. Além disso, o governo beneficiou 150 mil agricultores familiares com a aquisição direta de produtos agrícolas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.