Gurgel reage à medida da Polícia Federal

MINISTÉRIO PÚBLICO

, O Estado de S.Paulo

08 de abril de 2010 | 00h00

O procurador-geral da República e presidente do Conselho Nacional do Ministério Público, Roberto Gurgel, enviou ontem recomendação a todos os procuradores sobre a responsabilidade pelo controle externo da polícia. A medida é reação à resolução 1/10 do Conselho Superior da PF, que reduz a atuação da procuradoria na corporação. Gurgel assinala que devem ser responsabilizados criminalmente e por improbidade servidor que impedir e dificultar o controle externo ou desatender requisições de diligências.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.