Habeas-corpus solta advogado de Elias Maluco

Paulo Cuzzuol, advogado do traficante Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, foi solto na noite desta terça-feira graças a um habeas-corpus concedido pela 1.ª Câmara Criminal do Rio.Cuzzuol deixou a carceragem especial Ponto Zero, em Benfica, zona norte, acompanhado pela mulher. Acusado de fornecer rádios de comunicação a Elias Maluco, principal acusado pelo assassinato do jornalista Tim Lopes, o advogado teve sua prisão temporária decretada pela 26.ª Vara Criminal em 1.º de outubro.Cuzzuol permaneceu foragido até o dia 16 de outubro, quando se entregou a agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE). Segundo a polícia, o rádio Nextell usado por Elias Maluco até momentos antes de ser preso, em 19 de setembro, na Favela da Grota, na zona norte, foi comprado em nome do advogado.

Agencia Estado,

04 de dezembro de 2002 | 03h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.