Hamilton Lacerda já está na PF para depor sobre o dossiê Vedoin

O ex-coordenador da campanha de Aloizio Mercadante, candidato ao governo do estado pelo PT, Hamilton Lacerda, chegou à sede da Polícia Federal, na Lapa, zona oeste de São Paulo, por volta das 10h15. Ele presta depoimento ao delegado da Polícia Federal de Mato Grosso, Diógenes Curado, responsável pelas investigações sobre a compra do dossiê contra os tucanos, e ao procurador da República, Mário Lúcio Avelar, também do Mato Grosso.Na sua chega ao local, Hamilton, em companhia de seus advogados, o ex-assessor evitou falar com a imprensa. Hamilton, que responde ao interrogatório na Superintendência da Polícia Federal na capital paulista, foi identificado como o homem que levou uma mala com R$ 1,75 milhão para os petistas Gedimar Passos e Valdebran Padilha, um dia antes de suas prisões.A PF tem indícios de que há um segundo mensageiro de dinheiro e vai interroga, também às 14h, o ex-secretário especial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva Freud Godoy, apontado nas investigações como responsável pelo levantamento de fundos para a compra do dossiê Vedoin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.