Happy hour já não tinha mais fumaça

Filial retirou cinzeiros às 17h30

Fernanda Aranda, SÃO PAULO, O Estadao de S.Paulo

07 Agosto 2009 | 00h00

O bar Filial, reduto de jornalistas, publicitários e também de fumantes, aboliu o cigarro horas antes de a blitz caça-fumaça começar a agir na Vila Madalena, o bairro mais boêmio da capital paulista. Já no início da happy hour, às 17h30, os cinzeiros foram retirados das mesas internas e, às 22h30, o habitual cheiro de fumaça que compunha o cenário do tradicional boteco evaporou. A calçada, no entanto, foi marcada pelo intenso movimento de clientes. A prova eram as bitucas, aos montes, espalhadas no chão. A reportagem ficou 36 minutos contabilizando fumantes que interrompiam as conversas e corriam para o ar livre para acender o cigarro. No período, 29 pessoas repetiram o ato. Foi impossível separar da conta os reincidentes. A campeã, uma jovem aparentando 20 anos, saiu ao menos 4 vezes. Seu nome, idade e profissão não foram revelados. Fumar virou constrangimento em São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.