Helicóptero da Polícia Civil bate em árvore em Brasília

Um helicóptero da Polícia Civil que perseguia suspeitos de serem assaltantes bateu em uma árvore ao lado do "Armazém do Ferreira" - um bar freqüentado por petistas, no bairro da Asa Norte de Brasília -, a cerca de 30 metros da portaria do edifício em que mora o ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo. O impacto partiu a árvore ao meio e derrubou dois grandes galhos sobre mesas e cadeiras na área verde junto ao bar, ocupadas por freguesesque se retiraram a tempo. Apenas uma mulher ficou levemente ferida. A área principal do bar não foi atingida. Pouco antes do acidente, houve corre-corre de garçons que gritavam para o piloto do helicóptero se afastar, porque a ventania causada pelas hélices estava espalhando objetos dentro do bar. Nada aconteceu aos ocupantes do helicóptero, que continuou na perseguição aos suspeitos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.