Homem admite ter matado familiares a pauladas na Bahia

A polícia baiana descobriu na quinta-feira, 23, um crime brutal ocorrido há um mês em Candeias, na Região Metropolitana de Salvador. O operário Pedro Augusto de Souza Bastos, de 46 anos, confessou ter matado a pauladas a mulher, a sogra, a avó da mulher e a filha, de 11 meses, e ter tentado assassinar uma sobrinha de 4 anos. Os corpos da sogra e da mãe dela foram encontrados em um lixão na cidade. Os da mulher e da filha ainda não foram localizados. As buscas continuam. Bastos está preso na sede da Polícia Interestadual (Polinter), no bairro da Piedade, em Salvador, onde disse que os crimes foram cometidos após uma discussão com a sogra.

Agencia Estado,

23 Fevereiro 2007 | 16h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.