Reuters
Reuters

Homem atira contra mulheres de presos em rodovia do Ceará

Grupo protestava na BR-116, em Itaitinga, para denunciar maus-tratos que detentos estariam sofrendo; ninguém se feriu

Arthur Soares, especial para o Estado

16 de outubro de 2018 | 20h32

FORTALEZA - Um homem foi preso depois de ter efetuado disparos com arma de fogo contra um grupo de mulheres de detentos que fazia protestos na BR-116, em Itaitinga, na região metropolitana de Fortaleza, na manhã desta terça-feira, 16.

Mulheres e filhos dos presidiários interditaram a via para chamar atenção das autoridades sobre os maus-tratos que os detentos estariam sofrendo em presídios do Ceará. Enquanto ocorria a manifestação, o homem desceu de seu carro e atirou - os disparos não atingiram ninguém.

A Polícia Militar, que estava no local acompanhando a manifestação, abordou o homem e o prendeu, mas a arma não foi encontrada. O acusado foi encaminhado para a Delegacia Metropolitana de Horizonte, e o caso será investigado pela Delegacia Metropolitana de Itaitinga.  

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), aproximadamente 50 pessoas interditaram a BR-116, no quilômetro 17, em protesto por melhoria nas condições dos presídios do Complexo Penitenciário de Itaitinga. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.