Homem é assaltado duas vezes no mesmo dia em aeroporto

O médico Sebastião Radominsk, assaltado duas vezes no mesmo dia no estacionamento do aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, irá mover uma ação judicial contra a Infraero e a empresa concessionária do estacionamento.Em menos de cinco minutos, o médico foi assaltado duas vezes na tarde de terça-feira, 23, no mesmo local. Ele tinha acabado de chegar com sua mulher a Curitiba após ter feito uma rápida viagem a São Paulo.Primeiro um assaltante armado levou todos os pertences do casal, incluindo cartões de crédito, dinheiro, documentos e um telefone celular. Cerca de cinco minutos após o susto, a mulher teve sua bolsa roubada por outro assaltante, que chegou de moto. De acordo com Radominsk, os dois bandidos fugiram juntos na mesma moto.A empresa que administra o estacionamento do aeroporto não se manifestou diante do fato. Já a Infraero informou que em casos como esse são imprevisíveis. A estatal afirmou, ainda, que o Afonso Pena é protegido por policiais federais, civis e militares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.