Homem é baleado por falsos garotos de programa no Ibirapuera

Bandidos, que se passavam por garotos de programa, balearam, por volta das 4 horas desta madrugada, Ismael da Silva Abraão, de 31 anos, em frente ao portão 3 do Parque do Ibirapuera, num local conhecido como "Autorama", reduto de prostituição e onde praticamente todos os dias ocorrem encontros entre homossexuais, na zona sul da capital paulista. Segundo boletim de ocorrência registrado no 36º Distrito Policial, do Paraíso, quatro falsos garotos de programas estavam parados no local fingindo que esperavam por um cliente quando apareceu Ismael, que se aproximou de um deles em um Corsa prata. O criminoso então entrou no carro e, após alguns minutos, ele e o dono do Corsa voltaram, mas após o anúncio do assalto, Abraão desceu correndo do veículo, e foi baleado três vezes por um dos outros três comparsas do assaltante. Guardas municipais que estavam na região foram até o local e encaminharam a vítima, em estado grave, ao Hospital São Paulo, na Vila Mariana. Os criminosos fugiram.

Agencia Estado,

24 Fevereiro 2006 | 13h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.