Homem é encontrado morto em quarto de hotel em Porto Seguro

O neurologista Edir Siqueira , 76 anos, brasileiro, naturalizado americano, foi encontrado morto, com as mãos amarradas e uma toalha introduzida em sua boca, com sinais de esganadura, num hotel na Estrada do Arraial, no distrito de Arraial d'Ajuda, no sul da Bahia. A causa da morte foi provavelmente asfixia, afirmou o delegado Ricardo Feitosa, titular da 2ª Circunscricional de Polícia de Porto Seguro, lembrando que a carteira da vítima havia desaparecido. Segundo Feitosa, na quinta-feira, por volta de uma da tarde, ele recebeu um chamado informando sobre o homicídio, que havia ocorrido na madrugada do mesmo dia, por volta de quatro horas. Ele estava no hotel desde primeiro de setembro e iria embora no dia em que foi assassinado. Seu estado civil era casado, mas até sábado, nenhum familiar havia feito contato com a polícia.

13 Outubro 2007 | 17h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.