Homem é preso acusado de manter pai em cárcere privado

A Polícia Militar de Minas Gerais prendeu nesta sexta-feira, 2, em Visconde do Rio Branco, na Zona da Mata mineira, Felicíssimo Antônio de Souza, de 50 anos. Ele é suspeito de ter mantido o pai, Felicíssimo José de Souza, de 77 anos, em cárcere privado, por seis dias. O idoso foi encontrado em estado de choque, trancado em um dos quartos da casa onde o filho mora. Ele estava com fome e sujo de fezes e urina. Felicíssimo José de Souza foi internado no Hospital São João Batista, mas passa bem, apesar de um quadro de desidratação.A Polícia chegou ao cativeiro graças a denúncias de vizinhos. O suspeito negou-se a prestar depoimento e deve responder por crime de cárcere privado. A pena varia de quatro a 12 anos de prisão. O pai disse aos policiais que tem problemas de relacionamento com o filho.

Agencia Estado,

02 de março de 2007 | 18h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.