Homem é preso após matar amigo e quase ser linchado, em SC

Moradores ficaram revoltados com o crime e tinham objetivo de incendiar casa do agressor

Gheisa Lessa - Central de Notícias,

03 de maio de 2012 | 11h35

São Paulo, 3 - Um homem foi preso em flagrante, na última terça-feira, 1, após atingir uma pessoa com uma faca e quase ser linchado por populares em São Lourenço do Oeste, Santa Catarina. De acordo com a Polícia Civil do Estado, Rudinei Alves dos Santos, de 21 anos, confessou o homicídio.

Por volta das 21h, agentes da Polícia Civil de Santa Catarina receberam a denúncia de um homicídio seguido de linchamento na Rua Lauro Muller, no bairro Perpétuo Socorro, em São Lourenço.

Assim que os policiais chegaram ao local, eles identificaram uma vítima, Ademir Santos de Oliveira, 31 anos, morto com uma faca ainda em seu peito.

Segundo testemunhas, os dois homens teriam jantado na casa de uma amiga, moradora da mesma rua onde aconteceu o crime. Santos e Oliveira saíram juntos da residência onde jantaram, informou a amiga da dupla em depoimento. Uma outra pessoa teria ouvido um grito, avistou a vítima já caída no chão e Santos correndo para o local onde mora, de acordo com o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Civil.

Revoltados com o crime, os moradores da Rua Lauro Muller estariam com o objetivo de incendiar a casa do agressor. Com a chegada da polícia a situação foi normalizada. Agentes da Polícia Civil invadiram a residência de Rudinei Alves, que estava escondido no local e o autuaram.

A vítima morreu no local. Santos irá responder por homicídio e foi encaminhado ao Presídio Regional de Xanxerê. A Polícia Civil não soube informar o motivo do assassinato.

Mais conteúdo sobre:
crimeSC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.