Reprodução
Reprodução

Homem é preso em Minas após bater na mulher

Segurança de clube em Três Corações ainda tenta conter o agressor, que desfere um soco e um chute contra ela

Leonardo Augusto, Especial para o Estado

18 Dezembro 2016 | 21h24

BELO HORIZONTE - Um homem foi preso em Três Corações, Região Sul de Minas, depois de bater na mulher, que é delegada no município, e em uma segurança de clube da cidade. Um vídeo postado nas redes sociais mostra a agressão à segurança, que tentou impedir que o homem batesse na mulher, conforme informações preliminares da Polícia Civil.

O homem seria o comerciante Luiz Felipe Neder, de 34 anos. O crime ocorreu neste sábado, 17, por volta das 18h. O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), divulgou nota em repúdio ao episódio. A vigilante foi identificada como Edvania Nayara Ferreira Rezende, de 23 anos.

O vídeo tem cenas fortes da agressão:

Na nota, o governador presta solidariedade à vigilante. "Edvania, jovem agredida violentamente por um covarde em Três Corações. Como Edvania, que cumpria bravamente seu papel como agente de segurança, cerca de 130 mil mulheres em Minas Gerais sofrem com a violência de gênero. Temos de colocar fim a essa triste, lamentável e doída estatística."

Pimentel dá ainda orientação a quem sofre esse tipo de agressão. "Procure uma delegacia da mulher ou denuncie, de forma anônima, pelo Disque 100. Isso vale também para os homens - a violência contra a mulher é um problema nosso - que tenham conhecimento de casos como o que vimos em Três Corações. Não seja conivente", diz o fim do comunicado.

Mais conteúdo sobre:
Minas Gerais Violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.