Reprodução/Google Street View
Reprodução/Google Street View

Homem ejacula em mulher grávida dentro de ônibus em PE

Agressor tentou segurar a vítima, para que ela não denunciasse o abuso

Anderson Bandeira, Especial para O Estado

06 Setembro 2017 | 16h31

Mais um episódio de abuso sexual dentro dos coletivos foi registrado no Brasil. Na última terça-feira, 5, um rapaz foi detido sob acusação de abusar sexualmente uma mulher grávida de quatro meses dentro de um ônibus. O caso ocorreu na cidade de Camaragibe, localizada na região metropolitana do Recife. 

De acordo com o delegado, Ricardo Cysneiros, o homem, um ambulante de 23 anos, teria ejaculado no braço da mulher de 27 anos após se aproximar e oferecer uma goma de mascar. Revoltados, os passageiros quase espancaram o acusado. 

"Ele tentou segurar a vítima, para que ela não pudesse denunciar o abuso. Quando ela gritou e pediu ajuda aos vigilantes, ele alegou que estava com uma garrafa de água, dentro da mochila, e acabou molhando a vítima. Ela, no entanto, diz ter sentido um líquido quente e que o suspeito ainda estava com a genitália à mostra, masturbando-se", disse o delegado.

Nesta quarta-feira, 6, o acusado passou por audiência de custódia e foi liberado, mas vai responder pelo crime de estupro e posse de entorpecente, uma vez que portava dois papelotes de maconha. O material da ejaculação coletado na mulher foi levado para a perícia.

Em nota, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) esclareceu que concedeu a liberdade pelo fato de o acusado ser réu primário, registrar bons antecedentes e residir no mesmo endereço desde o nascimento. 

Mais conteúdo sobre:
Pernambuco [estado]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.