Homem mata a ex-mulher e se mata em escola

Inconformado com o fim do casamento, Israel Silvino Nunes, de 23 anos, matou a tiros a ex-mulher, Cláudia Maria da Silva, de 21, em Embu, na Grande São Paulo, e, horas depois, se suicidou dentro de uma escola municipal na zona sul da capital, neste domingo. Nunes invadiu, armado com um revólver calibre 38, a casa de Cláudia, no Jardim Santo Eduardo. No local estavam os dois filhos dela, de 2 e 5 anos. Após ser baleada, Cláudia foi levada para o pronto-socorro da região, mas não resistiu. O assassino fugiu.Mais tarde, policiais militares foram chamados para atender uma ocorrência de suicídio dentro da escola professor Theodomiro Monteiro do Amaral, no Capão Redondo. O local fica aberto nos finais de semana para atividades de lazer. O rapaz morto foi identificado por parentes como sendo Nunes. Segundo testemunhas, ele entrou correndo na escola e, visivelmente transtornado, atirou contra a própria cabeça.Dezenas de adolescentes que praticavam esportes presenciaram o crime. ?Ele pôs todo mundo para correr, dando uns tiros para o alto. Subiu numa ?rampinha? que tem dentro da escola e se matou?, disse João Bahia de Oliveira, que mora na região. ?Foi a maior correria. Depois, a rua inteira quis ver o que estava acontecendo?, disse um vizinho, que não quis se identificar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.