Homem mata atual marido da ex-mulher, grávida de 6 meses

O assassinato que complicou o trânsito na região do Complexo Viário Maria Maluf próximo à Avenida Nossa Senhora da Saúde, na zona sul de São Paulo, teve motivo passional. De acordo com as primeiras informações da polícia, um homem matou, com um tiro no rosto, o atual companheiro de sua ex-mulher. Ainda não foram divulgadas as identidades dos envolvidos no crime.A mulher, grávida de seis meses, estava em um Chevette com o atual marido e a filha de dois anos, fruto do primeiro casamento, quando o ex-marido chegou, de moto, e começou a discutir com ela. Na seqüência, o companheiro atual saiu em defesa da mulher e o acusado disparou contra ele, atingindo o rosto da vítima, que morreu na hora. O acusado, que fugiu de moto, já tem passagem na polícia por roubo. O caso foi registrado no 26º Distrito Policial.O corpo da vítima continua ocupando a faixa direita do Complexo Viário Maria Maluf. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o trânsito continua bastante complicado nas proximidades do local. Às 18 horas, a CET registrou um congestionamento de 119 quilômetros em toda a cidade, dentro da média para o horário, que é de 117 km.CongestionamentoOs piores trechos estão na Avenida dos Bandeirantes, sentido Rodovia dos Imigrantes, onde o engarrafamento é de 7,1 quilômetros, desde a Marginal do Pinheiros até o Viaduto Aliomar Baleeiro. Na pista expressa da Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, o trânsito está carregado por 6,5 quilômetros, entre as pontes Jaguaré e Ary Torres. Já na Avenida dos Bandeirantes, sentido Marginal do Pinheiros, o motorista reduz a velocidade por 6 quilômetros, desde o Viaduto Jabaquara até a Marginal do Pinheiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.