Homem procura polícia para confessar crimes

Com a consciência pesada desde que matou uma mulher em fevereiro, na cidade de Jequié, Janivaldo Coelho, de 28 anos, parou uma radiopatrulha da Polícia Militar no município de Lauro de Freitas, região metropolitana da capital baiana, e se entregou. Conduzido à presença do delegado Sérgio Sotero, titular da Delegacia de Lauro de Freitas, Coelho confessou ter matado além da mulher, o segurança de uma loja de material fotográfico, situada no bairro Caminho das Árvores, em Salvador."Quem deve tem de pagar e eu não agüentei mais, resolvi me entregar", explicou Coelho. O delegado Sotero avisou a polícia de Jequié que providenciará a transferência do assassino confesso. Depois de responder ao crime em Jequié, ele será processado pelo assassinato em Salvador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.