Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Homem que jogou bebê no pára-brisa tenta suicídio

O produtor musical Alexandre Alvarenga, de 31 anos, preso por agredir dois filhos em Campinas - arremessando um deles contra o pára-brisa de um carro - tentou se suicidar na Casa de Custódia de Taubaté, onde está detido desde março. A tentativa foi registrada no dia 2 de agosto, mas revelada somente nesta quarta-feira pela polícia civil.Segundo boletim de ocorrência, os agentes penitenciários ouviram gritos e muito barulho dentro da cela única onde está Alvarenga. Ainda de acordo com o depoimento dos agentes, o produtor tentou subir na janela e se jogou no chão, tendo sofrido ferimentos no queixo e na cabeça. Alvarenga foi levado para o Pronto Socorro de Taubaté e, depois de medicado, retornou à Casa de Custódia.De acordo com o delegado Juarez Toti, o boletim de ocorrência foi pedido pelo juiz da Comarca de Campinas (SP), Maurício Guimarães Pereira Filho, para ser anexado ao processo judicial.Alexandre Alvarenga foi transferido para Taubaté no dia 28 de março, onde ficaria apenas 45 dias, para ser submetido a exames psicológicos. Ele foi preso em flagrante no dia 2 de fevereiro em Campinas, depois de jogar o filho de um ano contra uma Blazer e agredir violentamente a filha de seis anos.

Agencia Estado,

13 de agosto de 2003 | 17h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.