Homens que fingiam ser da Receita Federal para dar golpes são presos

Dois falsos fiscais da Receita Federal acusados de aplicar golpes em empresários de São Paulo e do ABC foram presos anteontem por investigadores da Delegacia Seccional de São Bernardo do Campo. A polícia chegou a Domingos Paonessa, de 66 anos, e a José Roberto Chiamarelli, de 44, após ser procurada por um empresário que desconfiou da dupla.O empresário contou aos policiais que foi procurado pelos acusados, que se identificaram como fiscais, na semana passada. Eles estavam bem vestidos e disseram que tinham disponíveis 300 televisores LCD, diversos notebooks e dois veículos Mercedes-Benz CLK apreendidos,que iriam a leilão oficial. O empresário aceitou a oferta de dez televisores LCD, cada um por R$ 2 mil, menos de 50% do valor de mercado. A data marcada para a retirada foi quarta-feira, em frente ao prédio da Receita, ao lado do Aeroporto de Guarulhos. Desconfiado do golpe, o empresário procurou a polícia antes do encontro. Após receber os R$ 20 mil, a dupla não foi buscar os produtos na Receita e tentou fugir. Paonessa e Chiamarelli foram presos e, segundo o delegado Fabiano Barbeiro, ainda tentaram subornar os policiais. A dupla foi autuada em flagrante por tentativa de suborno e corrupção ativa consumada, e vai responder pelos outros crimes cometidos. Segundo o delegado, a dupla já havia feito oito vítimas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.