Horário de verão começa neste domingo

O horário de verão, medida que tem como principal objetivo evitar sobrecargas no horário de pico do consumo de energia (entre 19 horas e 22 horas), começa a valer a partir da meia-noite desde domingo, dia 5. Com isso, os moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste terão que adiantar seus relógios em uma hora, com base no horário oficial de Brasília. A medida, que se estenderá até o dia 25 de fevereiro de 2007, é válida nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal. Normalmente, o horário de verão começa em outubro, mas por causa das eleições neste ano, teve que ser adiado para o primeiro fim de semana depois do segundo turno. O horário de verão 2006/2007 deverá proporcionar uma redução de 4% a 5% no consumo de energia no horário de pico. Essa economia equivale a cerca de 2 mil megawatts (MW). A estimativa, formulada pelo Operador Nacional do Sistema (ONS), foi divulgada pelo Ministério de Minas e Energia.Pelos cálculos do ONS, nas regiões Sudeste e Centro-Oeste a previsão é de que haja uma redução do consumo no horário de pico de 1.560 MW, o equivalente a duas vezes o consumo de Brasília no horário de maior carga. No Sul, a redução deverá ser de 530 MW, o que corresponde a 80% do consumo de Porto Alegre no horário de pico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.