Horário de Verão começará no dia 5 de novembro

Um decreto presidencial publicado no Diário Oficial da União nesta quarta-feira, 4, confirmou que o horário de verão começará à meia-noite de 5 de novembro com encerramento a zero hora de 25 de fevereiro de 2007. Normalmente o horário de verão começa em outubro, mas, desta vez, por causa das eleições, teve que ser adiado para o primeiro fim de semana depois do segundo turno. O horário de verão será instituído nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.Redução no consumo de energiaO Horário de Verão 2006/2007 deverá proporcionar uma redução de 4% a 5% no consumo de energia no horário de pico (entre 19 horas e 22 horas). Essa economia equivale a cerca de 2.000 megawatts (MW). A estimativa, formulada pelo Operador Nacional do Sistema (ONS), foi divulgada pelo Ministério de Minas e Energia.Neste ano, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) solicitou ao Executivo que a mudança nos relógios fosse feita somente após o segundo turno das eleições, para não atrapalhar o processo. Pelos cálculos do ONS, nas regiões Sudeste e Centro-Oeste a previsão é de que haja uma redução do consumo no horário de pico de 1.560 MW, o equivalente a duas vezes o consumo de Brasília no horário de maior carga. No Sul, a redução deverá ser de 530 MW, o que corresponde a 80% do consumo de Porto Alegre no horário de pico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.