Houve empolgação no caso dos seguranças, diz secretário

O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Saulo de Abreu Castro Filho, informou que a polícia deverá divulgar ainda hoje um novo retrato falado do suspeito de ter roubado o carro dos seguranças do filho do presidente Luiz Inácio Lula da silva, na quarta-feira à noite em Santo André. Na ocasião, o subtenente do Exército Alcir José Tomasi, foi gravemente baleado, morrendo horas depois, e o cabo Nivaldo Ferreira dos Santos, ficou levemente ferido. Questionado se a polícia de São Paulo havia sido precipitada quando disse ao ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, que o caso estava praticamente solucionado com a prisão de dois suspeitos, que posteriormente foram considerados inocentes, Castro Filho respondeu: "Não digo precipitada. Talvez, a polícia tenha se empolgado com o caso", afirmou. O secretário explicou que a falta de provas nos exames periciais e o recuo do cabo Nivaldo Ferreira dos Santos, que inicialmente havia reconhecido os dois suspeitos, foram os motivos pelos quais a polícia decidiu liberá-los. Segundo o secretário, exames periciais de balística, residuográfico (que detecta presença de pólvora nas mãos) e o datiloscópico, cujos resultados, foram negativos, só foram divulgados no início desta madrugada pelo Instituto Médico Legal e Instituto de Criminalística. Castro Filho garantiu que a polícia tem cautela para evitar prender quem não tem culpa, "mas é preciso firmeza". O secretário disse que logo depois que houve a confirmação de que os suspeitos eram inocentes, ele voltou a telefonar para o Ministro da Justiça para notificá-lo do ocorrido. "Tudo está sendo investigado, o caso será solucionado, não é nenhum bicho de sete cabeças", garantiu. Para acompanhar todo o caso: » Seguranças de filho de Lula são baleados » Polícia caça ladrões que balearam seguranças do filho de Lula » Lula foi informado do roubo de carro da escolta do filho » É grave o estado de saúde do segurança do filho de Lula » Governo divulga nota sobre ataque a seguranças do filho de Lula » Filho de Lula viajou para Brasília » Morre segurança do filho de Lula » Corpo do subtenente será trasladado para Santa Maria (RS) » Ladrão que baleou segurança já tem retrato falado » Morte de segurança é aviso para governos, diz Genoino » Polícia tem pista de assassinos de segurança, diz Alckmin » Polícia detém dois suspeitos do assalto aos seguranças » Lula manifesta em nota pesar pela morte de subtenente »Cabo que fazia a segurança reconhece os assaltantes » Bairro tranquilo de Santo André vira cena do crime » Suspeitos de matar segurança podem ser soltos por falta de prova » Polícia libera suspeitos de atacarem escolta do filho de Lula

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.