Ibama apreende 310 aves silvestres em SP

Fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e policiais florestais apreenderam hoje, em Diadema, 310 aves silvestres entre galos-de-campina, currupiões, azulões, maritacas e papagaios. As aves, boa parte trazidas do Nordeste e Centro-Oeste, estavam sendo vendidas na feira do rolo, no bairro Serraria. Doze pessoas foram detidas e, posteriormente, liberadas. Mas vão responder a inquérito por crime ambiental. As aves foram levadas a um centro de manejo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Elas serão examinadas e encaminhadas a locais adequados. No Rio, o japonês Shoji Hashimoto foi preso com mais de 10 mil insetos secos. A prisão levou a Polícia Federal a investigar uma suposta rede de contrabandistas de espécies. Técnicos do Instituto Nacional de Pesquisas Amazônicas (Inpa) apreenderam com Hashimoto equipamentos sofisticados para localização de insetos e até de ovos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.