Ideli pede ao TSE apreensão de adesivos que fazem alusão à mão de Lula

A líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (SC), pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que determine a apreensão de adesivos distribuídos no País que, segundo ela, fazem alusão à deficiência física do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Lula perdeu um dedo mínimo em um acidente de trabalho, quando operava um torno-mecânico. Segundo o TSE, no adesivo é visualizada uma mão aberta com apenas quatro dedos, inserida num círculo vermelho com um traço em diagonal "de forma ensejar a imediata correspondência com os sinais de trânsito alusivos a condutas vedadas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.