Idosa morre após apanhar de paciente no hospital

Uma idosa de 85 anos, internada com insuficiência respiratória no Pronto-Socorro Central de Praia Grande, na Baixada Santista, morreu anteontem, após ser agredida por um paciente em surto psicótico. Evandro Silva Dias, que aguardava atendimento psiquiátrico, agrediu-a com socos no tórax e na face. A ocorrência foi registrada, mas Dias morreu ontem. A Secretaria de Saúde determinou instauração de sindicância no hospital. A família de Maria quer processar a prefeitura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.