Idosos terão transporte gratuito em lotações em SP

A Prefeitura de São Paulo vai pagar o transporte de idosos nas peruas de lotação que circulam por toda a cidade. O anúncio foi feito hoje pela prefeita Marta Suplicy durante entrevista que concedeu ao programa Bom Dia São Paulo, da TV Globo. Marta garantiu que os proprietários das peruas serão reembolsados pelo transporte de idosos e que essa medida servirá para acabar com o desrespeito que vem acontecendo com os mais velhos. Segundo ela, os idosos têm ficando muito tempo nos pontos à espera de algum dono de lotação que se proponha a transportá-los gratuitamente. "Os perueiros se recusam a transportar os idosos para não serem prejudicados financeiramente, já que a lei determina que o transporte seja feito de graça para mulheres acima de 60 anos e homens com mais de 65 anos. Mas os idosos vão entrar de graça nas lotações. Eu vou pagar!?, garantiu a prefeita. Marta Suplicy declarou que as usuários terão que utilizar o cartão especial do idoso para passar pelas catracas eletrônicas que serão instaladas nas lotações e nos ônibus. De acordo com a prefeita, cerca de 360 mil idosos já foram cadastrados e vão receber o cartão. Ela admitiu, por outro lado, que os donos de lotações são prejudicados com a lei que exige o transporte de pessoas sentadas, reduzindo o número de passageiros, mas lembrou que os perueiros também são obrigados a reservar pelo menos dois assentos aos idosos, fato que não vem ocorrendo desde a implantação do novo sistema de transporte na cidade. A prefeita de São Paulo acrescentou que está preparando cursos de boa educação para os perueiros. Segundo ela, os motoristas precisam ser mais gentis e aprender cidadania, porque deixaram a clandestinidade e agora também fazem parte do transporte público da capital paulista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.