Imperador do Ipiranga abre desfile em SP

O desfile das escolas de samba de São Paulo começa nesta sexta-feira, 16, às 23h15, com a apresentação da Imperador do Ipiranga. Até quinta, 80% dos ingressos haviam sido vendidos. Restavam lugares nas arquibancadas, cadeiras e mesas de pista. Para sábado, porém, só restam 10% dos ingressos. Quem for ao sambódromo nesta sexta verá desfiles tratando de energia, tinta, Cubatão e direitos trabalhistas. Uma homenagem individual fica por conta da Nenê, que exibirá a trajetória de João Jorge Saad, fundador da Rede Bandeirantes. Além da Imperador, que terá a siderurgia como tema, entram no sambódromo hoje X-9 Paulistana, Tom Maior, Império de Casa Verde, Acadêmicos do Tucuruvi, Unidos de Vila Maria e Nenê de Vila Matilde. O destaque fica para a bicampeã, Império de Casa Verde, que promete surpreender o Anhembi com um dos maiores carros alegóricos da história do sambódromo, com mais de 60 metros. A grandiosidade também está em todos os adereços, para cantar os impérios romano e chinês. A bicampeã traz a primeira candidata a musa do carnaval paulistano: a imperatriz da bateria Sheila Mello. Amanhã, atravessam a passarela, a partir das 22h45, Pérola Negra, Vai-Vai, Unidos do Peruche, Mancha Verde, Águia de Ouro, Rosas de Ouro e Mocidade Alegre. O coronel da PM José Hermínio Rodrigues previu um carnaval tranqüilo. Ao todo, 1.200 homens vão vigiar a área interna do sambódromo e ruas próximas. O efetivo é basicamente o mesmo de 2006. Chamada de Operação Carnaval 2007, a medida inclui a revista de todos que entrarem no sambódromo. Ontem, a BM&F fez seu grito de carnaval. Promovido há 19 anos, o evento reuniu 2.500 pessoas. Puxadores e passistas das 14 escolas do Grupo Especial cantaram os sambas de 2007. Rio de Janeiro O sambódromo do Rio terá esquema de policiamento reforçado. O número de PMs de plantão nos dias de desfile será 14% maior que o de 2006, segundo divulgou a corporação. No total, 150 policiais trabalharão na Sapucaí por dia. As favelas próximas, além de outras consideradas perigosas, serão ocupadas. As vias expressas - Linhas Vermelha e Amarela e Avenida Brasil -, a orla e os pontos turísticos também receberão reforço. Na capital, o centro terá a maior concentração de policiais, com 5.916 PMs. O que funciona em São Paulo no carnaval Bancos e Procon: voltam a funcionar na quarta às 12 horas. Poupatempo: fecha na segunda e terça, e reabre na quarta às 13 horas. Rodízio: volta na quinta-feira. Correios: reabrem na quarta - no aeroporto de Guarulhos, abre amanhã e fica de plantão de domingo a terça (das 7h30 às 22h30). Hospitais e Prontos-Socorros: plantão de amanhã a terça e atendimento normal na quarta. UBS: reabrem na quarta às 12 horas. Mercados: funcionam sábado, domingo e quarta. Todos fecham na terça, e alguns (incluindo o Municipal) abrem na segunda.

Agencia Estado,

16 Fevereiro 2007 | 10h26

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.