Reprodução
Reprodução

Imprensa internacional noticia rompimento de barragem e desaparecimento de 200 

Veículos citam em seus textos que a Vale é uma das proprietárias da Samarco, responsável por outra tragédia em 2015

Redação, O Estado de S.Paulo

25 Janeiro 2019 | 19h17

O rompimento de barragem da Vale em Minas Gerais e o desaparecimento de 200 pessoas é destaque da imprensa internacional nesta sexta-feira, 25. 

A tragédia foi noticiada pelos jornais americanos The New York Times, Washington Post, e The Wall Street Journal, pela emissora americana CNN, pelos ingleses The Guardian e Financial Times e pelo francês Le Monde.

Le Monde, Wall Street Journal e Financial Times citam em seus textos que a Vale é uma das proprietárias da Samarco, que viu uma de suas barragens romper, em 2015. Na ocasião, o distrito de Bento Rodrigues foi soterrado e 19 pessoas morreram.

Financial Times, que tem ênfase na cobertura econômica, incluiu a informação da queda de 8% das ações da Vale listadas na bolsa de Nova York.

Para Entender

Brumadinho: perguntas e respostas sobre a tragédia na barragem da Vale

Veja questões referentes ao desastre, como o impacto do rompimento da barragem, punição e medidas adotadas para evitar novos acidentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.