Incêndio criminoso destrói casarão tombado em Tiradentes

Um incêndio destruiu, na madrugada de hoje, grande parte de um casarão antigo da cidade histórica de Tiradentes, a 210 quilômetros da capital mineira. O imóvel fica localizado no entorno tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Segundo a Polícia Civil, o incêndio foi criminoso e dois suspeitos foram presos em flagrante. De acordo com o 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros de São João Del Rei, o fogo teve início por volta das 2h e consumiu o forro, o telhado e todos os objetos que estavam dentro da casa, de 160 metros quadrados, onde funcionava um restaurante italiano. Os bombeiros levaram cerca de uma hora para debelar as chamas. Apenas as paredes ficaram de pé. O representante do Iphan na cidade, o historiador Olinto Rodrigues do Santos Filho, disse que, apesar de a estrutura do imóvel ter sido construída no século 18, ele já havia sofrido um processo de descaracterização. ?O telhado já havia sido substituído por telhas francesas nos anos 60 e as portas também haviam sido trocadas?, observou. Segundo ele, o instituto fará uma vistoria no casarão e um laudo será preparado apontando as medidas a serem tomadas para a recuperação do imóvel. Peritos da polícia civil também estiveram no local. De acordo com o delegado Luiz Carlos Ferreira Pires, um jovem de 20 anos ? Nemilton Alves de Souza ? e um menor de apenas 11 anos ? J.C.P. ? entraram no estabelecimento para furtar objetos. Embriagados, antes de deixar o local, eles teriam ateado fogo no casarão. Os dois foram presos na manhã de ontem. Com eles, os policiais encontraram um aparelho de som, CD?s, bebidas e outros objetos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.