Incêndio em terreiro de candomblé fere vinte

Vinte pessoas sofreram escoriações e queimaduras num incêndio ocorrido na noite de ontem num terreiro de candomblé, situado no Alto do Saldanha, Bairro de Brotas, próximo ao centro da capital baiana. Os adeptos da religião afro estavam reunidos no salão principal da casa para rezar em louvor a Santo Antonio quando o incêndio começou.Segundo a dona de casa Diva Souza, depois da reza, quando as pessoas já se preparavam para sair, as chamas de uma vela de sete dias e de outra colocada na parte alta de um móvel atingiram a decoração do forro do salão, feito de papel seda colorido. O fogo rapidamente se propagou causando pânico. "Houve uma grande confusão e como a porta é estreita muita gente caiu a acabou queimada", contou. Os feridos foram levados para o Hospital Geral do Estado. Os médicos de plantão disseram que as queimaduras da maioria das pessoas foram apenas superficiais. Apenas uma das vítimas precisa de mais cuidados, pois teve queimaduras de terceiro grau nos braços.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.