Incêndio mata bebê e destrói 30 barracos em favela de Recife

Fogo atingiu Favela do Papelão por volta das 13 horas e, às 15h45, Corpo de Bombeiros ainda rescaldava incêndio

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

11 de julho de 2008 | 17h04

Um bebê de dois meses morreu e pelo menos 30 barracos foram totalmente destruídos no início da tarde desta sexta-feira, 11, em um incêndio na Favela do Papelão, no bairro de São José, no centro de Recife, Pernambuco. De acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros, que enviou quatro equipes ao local, o fogo começou por volta das 13 horas. O bebê Américo da Silva Santos foi encaminhado ao Hospital da Restauração, mas não resistiu aos ferimentos. Dois adultos também se feriram, mas sem gravidade. Por volta das 15h45, o Corpo de Bombeiros trabalhava no rescaldo do incêndio.

Tudo o que sabemos sobre:
BombeirosincêndioRecife

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.