Incidentes marcam início da apuração

Incidentes envolvendo torcedores que tiveram dificuldades para entrar no sambódromo e chegaram a entrar em choque com soldados da Policia Militaram, marcaram o início da apuração dos resultados dos desfiles das escolas de samba do grupo especial de São Paulo. A apuração começou às 9h41, com 41 minutos de atraso, depois de alguns tumultos em frente ao único portão aberto para o acesso das torcidas.Policiais da tropa de choque da PM fizeram um pente fino para impedir a entrada de armas e chegaram a deter cinco pessoas, três das quais estavam armadas. Aos poucos, a PM assumiu o controle da situação, mas por precaução, o efetivo do policiamento foi aumentado de 270 para 370 soldados.As notas que começam a ser apuradas agora aferem o desempenho das escolas em 10 queisitos: bateria, harmonia, evolução, melodia, letra do samba, mestre sala e porta bandeira, comissão de frente, enredo e fantasia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.