Índio é espancado e queimado no Ceará

Homem sofreu queimaduras de 3º grau e teve parte da casa incendiada na região metropolitana de Fortaleza

Lauriberto Pompeu, Especial para o Estado

27 Agosto 2017 | 14h05
Atualizado 27 Agosto 2017 | 14h52

FORTALEZA - O indío Maurício Alves Feitosa foi espancado e teve o corpo queimado neste domingo, 27, na cidade de Maracanaú, na região metropolitana de Fortaleza, no Ceará.

Os suspeitos de cometer o crime ainda não foram identificados. A Polícia Federal investiga o caso.

Maurício sofreu queimaduras de 3º grau e parte da casa onde mora também foi atingida pelo fogo. Ele está internado no Hospital Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza. Ainda não há informações sobre o estado de saúde da vítima.

Mais conteúdo sobre:
Ceará [estado] Maracanaú [CE]

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.