Índios atiram contra carros e pessoas em rodovia do MS

Duas pessoas deram entrada no Hospital Evangélico em Dourados, no Mato Grosso do Sul, na noite deste sábado (6), depois de serem baleadas quando passavam pela MS-156 entre Dourados e Itaporã. A rodovia corta a Reserva Indígena de Dourados onde moram cerca de 12 mil índios, segundo o site Douradosnews. As primeiras informações dão conta que um grupo de índios estaria armado e atirando contra quem passa pela rodovia. Ilza Maria Barbosa foi atingida por um tiro nas costas quando passava pelo local de carro. Ela estava com a família e disse que só percebeu que estava ferida quando já estava chegando em Dourados. Já o indígena Gilson Felipe Valério deu entrada logo depois da chegada de Ilza. Ele também apresenta ferimento à bala nas costas. Gilson contou que caminhava às margens da rodovia quando foi atingido. As vítimas estão no centro cirúrgico e o estado de saúde delas inspira cuidados. Viaturas da Polícia Militar foram para local para tentar prender os agressores. As informações são do site Douradosnews.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.