Industrial é morto em semáforo

O industrial Pedro Luís Rizzo, de 51 anos, foi morto com um tiro na cabeça, anteontem à noite, no semáforo do cruzamento da Avenida Dom João V com a Rua Barão de Jundiaí, na Lapa, na zona oeste de São Paulo. Segundo a polícia, a vítima ia buscar a mulher no trabalho. Ninguém foi preso.O crime ocorreu às 21h30, quando Rizzo parou seu Ford Fiesta no semáforo. A Rua Barão de Jundiaí é comercial. Nesse horário, havia poucas lojas abertas. Próximo do local há uma viela, de onde poderiam estar escondidos os criminosos. "Não há nenhuma testemunha do crime", disse o delegado-titular do 7.º DP (Lapa), Renato Ferreira. Mas um homem e duas mulheres foram vistos correndo no "contrafluxo". Nenhum deles tinha uma arma.O industrial foi enterrado ontem no Cemitério do Horto Florestal, na zona norte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.