Inglesas acusadas de estelionato continuarão presas no Rio

Audiência do caso das turistas britânicas será marcada para semana que vem

Central de Notícias

30 Julho 2009 | 17h36

OTribunal de Justiça do Rio informou nesta quinta-feira, 30, que negou o pedido de liberdade provisória de duas turistas britânicas que tentaram registrar um falso roubo foi negado. Shanti Simone Andrews e Rebecca Claire Turner foram presas no dia 26 deste mês por estelionato. Elas se dirigiram à Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat) e afirmaram que teriam sido vítimas durante uma viagem de ônibus entre Foz de Iguaçu e o Rio de Janeiro.

 

Veja também:

link Inglesas são presas tentando registrar falso roubo no Rio

 

A polícia desconfiou do comportamento das turistas e foi até o albergue em que estavam hospedadas, em Copacabana, onde encontraram todos os pertences que supostamente haviam sido roubados. O consulado britânico foi comunicado da ocorrência. Para a polícia elas pretendiam dar o golpe do seguro das bagagens.

 

Na decisão, o juiz Flávio Itabaiana Nicolau, titular da 27ª Vara Criminal do Rio vai marcar a audiência das inglesas para a semana que vem, assim que o Tribunal de Justiça providenciar um intérprete com domínio da língua inglesa para traduzir para elas a citação que lhes será lida pelo oficial de Justiça.

Mais conteúdo sobre:
Turistas inglesas presas Rio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.