Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Iniciada dragagem de um dos lagos do Ibirapuera

Foi iniciado hoje pela manhã o processo de dragagem de um dos três lagos do Parque do Ibirapuera. Orçada em R$ 1,2 milhão, a obra, bancada pela Prefeitura, tem como objetivo retirar cerca de 20 mil metros cúbicos de lodo e detritos do lago. A prefeita Marta Suplicy (PT) foi ao Ibirapuera para dar início às obras. A draga funcionará durante 24 horas, retirando o lodo que fica parado no fundo do lago, levando-o para uma centrífuga. Lá, o material é separado e bombeado para caminhões, e a água, já livre de detritos, volta para o lago. A cada hora um caminhão sairá do parque repleto de lodo, que será encaminhado para um aterro na Rodovia Raposo Tavares. A dragagem do lago deve durar três meses. "Estamos procurando parceiros agora para a realização da limpeza nos outros dois lagos", disse Marta. Ibirapuera pode abrir à noiteA prefeita caminhou um pouco pelo parque e conversou com alguns freqüentadores. Entre as promessas, disse que pretende abrir o parque à noite, a partir do ano que vem. "Queremos deixar o Ibirapuera aberto até as 2 horas da manhã, para quem quiser fazer ginástica à noite", disse a prefeita. "Para isso, estamos criando um sistema de segurança e negociando uma parceria para iluminar melhor o parque."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.