Investigador é preso acusado de tentativa de extorsão

Um investigador de 46 anos, de Sertãozinho, na região de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, foi preso na manhã desta segunda-feira, 17, suspeito de tentativa de extorsão. Seu nome foi mantido em sigilo. Ele foi investigado durante uma semana pela Corregedoria da Polícia Civil, em Ribeirão Preto, que apurou a denúncia de um homem suspeito de porte ilegal de arma. O investigador, que atua na delegacia do município, teria tentado extorquir mil reais do homem, que ficaria livre de um possível indiciamento, caso fizesse o pagamento. Uma das provas seria a escuta telefônica da tentativa de extorsão, gravada pela vítima. O investigador teve a sua prisão temporária decretada pela Justiça e foi levado para o presídio da Polícia Civil, em São Paulo. A defesa do investigador pode recorrer da decisão judicial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.