Irmãos são executados na zona leste de SP

Três irmãos que trabalhavam como seguranças do Forró Eskyna, em Cidade A.E. Carvalho, na zona leste, foram baleados por quatro homens. Os agressores fugiram em um Corsa Wind vinho. Duas das vítimas morreram e a terceira está internada em estado grave no Hospital Planalto, em Itaquera.O forró fica na esquina da Rua Lagoa Salgada, com a Av. Pires do Rio e estava lotado, pouco antes de meia-noite, quando os criminosos entraram e foram diretamente onde Sander Cevilha Barbosa, de 29 anos, Sérgio Willian Barbosa, de 32, e Saulo Roberto Barbosa, de 23 se encontravam. Não houve discussão. Sacaram as armas e começaram a atirar, em meio à casa lotada. Aproveitando o tumulto, misturaram-se aos freqüentadores da casa e fugiram.Sander morreu ao ser socorido ao Hospital Santa Marcelina, em Itaquera. Os outros dois foram levados ao Hospital Planalto, onde Sérgio, atingido na cabeça e no peito, morreu. Saulo sobreviveu, mas seu estado é bastante grave. As investigações do crime estão por conta de policiais do 64º DP - Cidade A. E. Carvalho. As versões para o motivo da agressão são várias. Conforme uma delas, a ação seria uma vingança porque os irmãos teriam, na semana passada, expulsado um grupo de clientes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.